Perigo nas alturas: o risco de quem trabalha muito longe do chão

Dizem que as paredes têm ouvidos. Mas, na arquitetura rústica e simples do lar de Maria Sileide, elas escutavam a vida dos expressivos sorrisos e choros das quatro crianças, na sala. Desde aquele momento, o silêncio tomou conta. A ausência eloquente contagiou a casa. Não foi o mero atravessar da porta pelo amigo de longa … Continue lendo Perigo nas alturas: o risco de quem trabalha muito longe do chão