NBB: Brasília vence Joinville e se distancia do rebaixamento

O Universo/Brasília venceu o Joinville por 98 a 90 pelo NBB, no Ginásio da ASCEB, na capital. Apesar da derrota, Ahmad Starks, armador dos visitantes, foi o cestinha da partida com 27. Com o resultado, a equipe se mantém em 12º. O Joinville amarga a última posição.

Saiba mais sobre basquete e NBB

1° quarto

Equilíbrio definiu o começo da partida. As equipes se alternaram nas cestas e nenhuma das duas equipes conseguiu abrir grande vantagem. A maior diferença foi de 6 pontos, inclusive no final do quarto, quando o Joinville fechou com 29 a 23. Destaque para o americano Starks, que fez 15 pontos, sendo três cestas da zona de 3 pontos.

2º quarto

No segundo quarto, a equipe da casa reagiu e virou a partida. O ataque funcionou no mesmo ritmo do primeiro quarto e o time fez 22 pontos. Na defesa, o time pegou 11 rebotes, seis a mais que no quarto anterior, e sofreu apenas 11 pontos. Com isso, o placar no intervalo marcava 45 a 40. O cestinha do primeiro tempo foi armador Sacks, mesmo com apenas 1 ponto no segundo quarto.

Susto

Quando o relógio marcava 4:48 para terminar o segundo quarto, o armador Pedro Rava correu para evitar a saída da bola pela linha lateral e não conseguiu parar a tempo. Resultado: se chocou com o carrinho onde ficam as bebidas do time adversário. Após o momento de tensão, Rava se levantou e, mesmo com dificuldades, caminhou até o banco de reservas. O jogador retornou à quadra restando 3:48 para o fim do terceiro quarto.

3º quarto

As equipes mantiveram o ritmo e protagonizaram um quarto com 57 pontos, onde foram 30 do Brasília e 27 do Joinville. Foram apenas 15 rebotes no quarto. Jefferson Socas, camisa 54 dos catarinenses, fez 11 pontos e liderou a estatística no quarto.

4º quarto

O quarto mais equilibrado da partida. O Joinville se esforçou muito no ataque, mas na defesa não conseguiu imprimir o mesmo ritmo e saiu derrotado por 98 a 90. Brasília poderia ter chegado a 100, mas com 10 segundos para terminar, a equipe de Brasília parou como forma de respeito ao adversário.

Fala, jogador!

Com a palavra, Nezinho: “Nós tivemos duas semanas de preparação para esse jogo, onde era necessária a vitória. A equipe teve um crescimento muito grande e um bom rendimento, que poderia ser melhor na parte defensiva, mas no geral foi um bom jogo”.

Curiosidade

Felipe Vezaro foi campeão do torneio de arremessos de 3 na semana das estrelas do NBB.
O jogador parece ter ganho confiança com o título, visto que não arremessou nenhuma bola da zona de 2 pontos durante toda a partida. Terminou o jogo com aproveitamento de 50%. Acertou 3 de 6.

Por Vinícius Heck
Fotos: Felipe Mendes/Comunicação Universo Brasília

Supervisão de Luiz Claudio Ferreira

Post Author: Vinícius Heck