Novo MIB: homens de preto traz nova dupla para investigar ETs

O longa MIB: homens de preto – internacional (EUA, 2019), estreia dos cinemas, traz uma diferente dupla para a franquia, mas que já havia trabalhado junta em Thor: Ragnarok: Tessa Thompson e Chris Hemsworth.

É a dupla que se encarrega de investigar os alienígenas que vivem na Terra. Will Smith e Tommy Lee Jones não estão neste filme.

A nova dupla é destaque na trama e traz consigo personalidade forte e um pouco de sarcasmo nos diálogos, o que ajuda a descontrair e deixar as cenas ainda mais interessantes. Dirigido por F. Gary Gray (Velozes e Furiosos 8) e Steven Spielberg como diretor executivo, o filme conta ainda com Liam Neeson, Emma Thompson, Rebecca Ferguson, Rafe Spall e Kumail Nanjiani no elenco.

Assista a trailer

Pegadinha…

Um aspecto inusitado, é a aparição (breve) de Sérgio Mallandro no longa, mesmo após ter sido convidado em um vídeo promocional de MIB: Homens de Preto – Internacional.

O comediante surge em uma das cenas com o seu jeito de ser, através de uma ação iniciada pela Sony Pictures que tem o propósito de trazer celebridades locais para o filme.

Leia mais

Além de haver diferentes personalidades de destaque, contribui para que o público crie uma certa “aproximação” com o que está sendo apresentado. Recebendo assim cada país, uma versão com alguma celebridade local.

Ainda que o filme não tenha a presença do carismático Will Smith, os roteiristas Matt Holloway e Art Marcum conseguem desenvolver uma história que diverte o público. E a escolha da dupla foi assertiva porque prova que os agentes M e H têm muito a oferecer pois se mostram de forma dinâmica.

Enquanto o agente H é descontraído e inconsequente, M soluciona os problemas de forma analítica e raciocinada.  Os efeitos visuais também chamam a atenção nas cenas com os personagens alienígenas.

Por Alexandra Carolina*

A convite da Espaço/Z

Fotos e trailer: Divulgação

Supervisão de Luiz Claudio Ferreira

Post Author: Agencia de Noticias Uniceub

Professores e estudantes do curso de jornalismo construindo um projeto de extensão para promover práticas e repensar rotinas de produção

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *