Obras de arte tiveram suicídio como temática; série do Netflix levantou polêmica

Após a Netflix lançar a série “Os treze porquês” em março deste ano, um grande debate foi aberto, pois a muito tempo não se falava tanto sobre o suicídio e suas causas. Mesmo chamando atenção para um assunto que é considerado tabu e que precisa ser discutido, a série despertou a preocupação de profissionais da saúde sobre como o suicídio e outros assuntos como bullying e depressão são abordados na narrativa, e os efeitos que podem causar para quem a assiste.

A história de ficção gira em torno da personagem Hannah Baker, uma adolescente que cometeu suicídio. Na série, a jovem sofre de depressão e um dos catalisadores para a doença é o bullying exacerbado na escola. O sofrimento leva Hannah para o desfecho trágico, e a história é explicada por meio de treze fitas cassetes gravadas pela jovem.

Por Bianca Cristina, da Revista Esquina 

Clique na imagem para mais informações.

Post Author: Agencia de Noticias Uniceub

Professores e estudantes do curso de jornalismo construindo um projeto de extensão para promover práticas e repensar rotinas de produção

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *