Especial Cerrado: bioma já perdeu 69% da vegetação natural

11 de setembro é o Dia Nacional do Cerrado, bioma que, em biodiversidade, fica atrás apenas da Amazônia. Atualmente, tem 11 mil tipos de plantas nativas e duas mil espécies de animais. O segundo maior bioma da América do Sul, no entanto, é o mais ameaçado do país. .

O Cerrado ocupa cerca de 22% de todo o território nacional e se expande por 12 estados brasileiros. O processo contínuo de desmatamento do Cerrado fica atrás apenas da Mata Atlântica, superando inclusive a Amazônia. No Distrito Federal, a crescente redução da vegetação natural começou ainda na década de 60, junto com a construção de Brasília.

Desde a inauguração da capital, o espaço é alterado para dar passagem à paisagem urbana. É simples. A construção dos prédios soterra a memória natural do lugar. Em um intervalo de aproximadamente 20 anos, 12 regiões administrativas foram criadas no DF. Os dados mais recentes do Ministério do Meio Ambiente apontam que o Distrito Federal perdeu mais de quatro mil quilômetros quadrados de Cerrado desde a década de 1950, cerca de 69% de toda a vegetação natural. Para o professor do Núcleo de Estudos Ambientais da Universidade de Brasília, Gustavo Souto, a construção civil dos últimos anos tem contribuído muito para a redução do Cerrado.

Reportagem de Thiago Marcolini

Colaborou Beatriz Castilho

Post Author: Agencia de Noticias Uniceub

Professores e estudantes do curso de jornalismo construindo um projeto de extensão para promover práticas e repensar rotinas de produção

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *