Perdi documentos… E agora? Saiba o que fazer no DF

Muitas pessoas têm muitas dúvidas do que fazer e a quem recorrer ao perder seus documentos. Para resolver essas pendências, existem alguns procedimentos básicos a serem seguidos que possibilitam a emissão de uma segunda via dos pertences perdidos.

Foto: Site do Gov do Brasil / Divulgação

RG, carteira de motorista e título eleitoral

Caso perca seus documentos de identidade, carteira de motorista (CNH), título de eleitor, carteira do plano de saúde e passaporte é necessário que siga os mesmos passos para todos eles. A primeira coisa que se deve fazer é ir à delegacia de polícia para fazer o boletim de ocorrência. Após registrar o problema, já é possível fazer a solicitação da segunda via na instituição responsável pelo registro. Alguns desses documentos têm algumas exceções, como no caso do passaporte e da carteira do plano de saúde.

Passaporte

No caso do passaporte, há um “porém”, que é caso de a pessoa se encontrar em solo estrangeiro. O procedimento a ser seguido é se direcionar para a polícia local para requerer uma confirmação oficial escrita de que o documento está perdido. Ao fazer isso, é preciso que a pessoa entre em contato com a embaixada brasileira para que eles solicitem um passaporte substituto ou um documento de emergência, sendo possível retornar ao país de origem. Se foi necessária a utilização de visto no país em que o passaporte foi perdido é preciso entrar em contato com o consulado para obter um visto substituto.

Carteirinha do plano de saúde

 

Para a utilização do plano de saúde, é possível recorrer a outros meios na ausência do cartão. Utilizando o número do titular do plano, é viável ter acesso ao número da carteira de todos os dependentes, possibilitando o atendimento por meio dele quando necessário. Caso a carteira perdida seja a do titular, é possível que ele ligue para a empresa responsável e consiga o número informando os seus dados pessoais.

Cartão do banco

O procedimento para perda de cartões de crédito e débito é um pouco diferente. Percebendo que o cartão foi perdido, a primeira coisa que se deve fazer é ligar para o banco correspondente e pedir o cancelamento e a segunda via do cartão. Caso ocorra alguma compra que não foi de consentimento do seu titular, é necessário avisar ao seu banco para que eles tomem as devidas providências.

Carteira de vacinação

A perda carteira de vacinação pode ser a que mais gere incomodo porque ela necessita dos registros, que só ficam disponíveis em clínicas particulares ou as que estão no registradas pela Anvisa. Os postos de saúde públicos não possuem nenhum tipo de registro sobre as vacinas que foram aplicadas lá. Caso a pessoa não tenha registro de alguma vacina, é necessário que ela tome novamente.

Carteira de trabalho

O procedimento da carteira de trabalho é um pouco mais complexo e exige uma maior mobilidade, pois é preciso recorrer à muitas instituições. Assim como em outros documentos, é necessário fazer um boletim de ocorrência e, junto com ele, levar o seu registro geral (RG) para a Superintendência Regional do trabalho e emprego. Após isso ocorrer, dirija-se ao Ministério do Trabalho e Emprego com documentos que comprovem seus cargos antigos para que seja possível emitir um novo arquivo.

Algumas dicas para não ficar sem nenhum documento durante o período de espera, pela segunda, via é se utilizar de meios digitais disponíveis, como no caso da CNH e do título de eleitor. Outra alternativa é usufruir de cópias autenticadas dos respectivos papéis.

Por Ana Vitória Silva, Arthur Ranaldi e Camila Zisman

Fontes de consulta: Na Hora, Polícia Civil, Polícia Federal, TRE-DF, Secretaria de Saúde

Post Author: Agencia de Noticias Uniceub

Professores e estudantes do curso de jornalismo construindo um projeto de extensão para promover práticas e repensar rotinas de produção