Banda Surdodum completa 25 anos

Em comemoração à data, a banda se apresentará nesta quarta feira, 21/8, no Clube do Choro

” A gente está conseguindo, cada vez mais, adquirir  credibilidade, nos respeitam muito mais por ser uma banda inclusiva, com surdos”. Essas são as palavras da professora e  idealizadora do projeto Surdodum, Ana Lúcia Soares. A banda foi o resultado de um sonho iniciado em 1994, época em que Ana começou a procurar surdos em escolas para participar do projeto. 

Para comemorar a data, a banda Surdodum se apresenta nesta quarta-feira, 21/8, no Clube do Choro, às 21 horas. A inteira custa R$ 40 e a meia R$ 20.  O evento contará com a participação especial dos cantores Thiago Nascimento e Marcelo Sena e do Grupo Som Afro Brasil. Ana conta que a banda apresentará releituras de algumas músicas que tocaram em apresentações. Além disso, terá homenagens especiais à pessoas que ajudaram na trajetória do Surdudum. 

Maurício Henrique, Clayton Eduardo dos Anjos, Daniel Baima, Alex dos Santos, Jailso Lobato, Heleber Almeida, Vinícius Jubinha, Reinaldo Braz, Andreia Brito, Arnaldo Barros, Fernando Rodrigues, Leandro Morais, Stive Marta e Ana Soares apresentarão no Clube do Choro, além de contar com a  presença de participações especiais e produção.

” Eu entrei no projeto Surdodum em busca da igualdade entre surdos e ouvintes. Geralmente não acreditam que surdos têm capacidade, mas tem”. Depoimento de Clayton Eduardo dos Anjos, 29 anos. Ele  conta que participa da banda há 5 anos e toca ganzám meia lua e timbaleiro. O integrante afirma que a mãe o apresentou o projeto e rapidamente sentiu o desejo de participar pois se sente de igual para igual com músicos ouvintes.

Arnaldo Barros é aposentado e  músico voluntário na Banda Surdodum desde abril de 1998.  Ele participa da banda como cantor além tocar e compor músicas. ” Fui convidado pela Ana Lúcia, assim como outro músicos ouvintes para incrementar o projeto com instrumentos de harmonia pois  a banda tem sua base inicial na percussão”, afirma. ” Sendo cadeirante vi uma oportunidade de participar de algo especial. Ser valorizado pelo dom de tocar um instrumento. Ajudar os meus colegas e agora grandes amigos surdos a praticar sua cidadania através da cultura musical inclusiva”, complementa. 

Arnaldo conta que sente  um vencedor estando no show de comemoração dos 25 anos da Banda Surdodum. ” Sou um privilegiado em fazer parte deste trabalho criado pela Ana Lúcia. Pretendo continuar ajudando o Surdodum, como músico voluntário, enquanto puder” , finaliza.

Serviço: 

Local: Clube do Choro

Dia: 21 de agosto 

Horário: 21 h

Classificação livre

Ingressos R$ 40 a inteira e R$ 20 a meia

 

Por Rayssa Brito

Post Author: Agencia de Noticias Uniceub

Professores e estudantes do curso de jornalismo construindo um projeto de extensão para promover práticas e repensar rotinas de produção