Da TV para o cinema: “Patrulha Canina: O Filme” diverte crianças e mexe com adultos

Baseado no sucesso na TV, a animação “Patrulha Canina: O Filme” estreia no próximo dia 9 de setembro em cinemas de todo o Brasil. Nesta nova missão, Ryder e os filhotes vão contar com a ajuda de uma nova amiga, a corajosa Liberty, para impedir que Humdinger, o mais novo prefeito de Adventure City, instaure o caos na cidade.

Na mais recente aventura do grupo, podemos ressaltar o enfoque no desenvolvimento do personagem Chase, um filhote de pastor alemão que carrega em sua narrativa uma das mensagens mais importantes do filme.


Confira trailer do filme

Trauma

Durante todo o longa, a personagem enfrenta seu trauma de voltar ao lugar onde foi abandonado, passando por diversos momentos de provação e insegurança. Mostrando ao público que todos podem apresentar suas fraquezas (crianças e adultos), que isso não os faz menos corajosos e, principalmente, que está tudo bem pedir ajuda para lidar com situações difíceis.

Foto: Divulgação

Outro destaque que vemos em cena é a nova personagem, Liberty. Uma filhotinha que vive nas ruas de Adventure City e aciona a patrulha quando o conhecido vilão Humdinger ameaça a segurança dos moradores de sua cidade. A construção dela é dada de forma natural durante a trama, tendo tanto sua personalidade quanto sua história bem estruturadas, encantando todos os espectadores.

Roteiro e novos efeitos

A “Patrulha Canina” já não é novidade para grande parte do público infantil. Transmitido pela Nickelondeon desde 2013, o desenho já está em sua oitava temporada. Entretanto, diferente do formato ao qual nos acostumamos na TV, a versão que chega aos cinemas ganha um novo estilo de animação, que pode ser notado principalmente na pelagem dos animais e nos novos efeitos das cenas de resgate.

Apesar de Liberty e Chase possuírem ênfase em suas trajetórias durante o filme, o roteiro aprofunda a empolgação. A maioria dos personagens da série animada fazem aparição, criando a sensação de familiaridade entre os fãs. Porém, a mudança de cenário que esta nova história proporciona dá ao público um ar de novidade, evitando que seja apenas uma repetição massiva do que já vimos anteriormente.


Humor 

A narrativa possui uma mesclagem de momentos de ação e alívio cômico, fazendo com que os personagens estejam sempre em movimento durante as cenas, tendo cada instante bem aproveitado e evitando que as crianças  se sintam entediadas ou percam o foco. 

A dublagem original conta com vozes como Ian Armitage, Marsai Martin, Ron Pardo, e Kim Kardashian West. Dentre os dubladores da versão em português, temos Aline Wirley, Ítalo Luiz, Lipe Volpato, Theo Salomão, Vyni Takahashi, Gaby Milani, Yago Contatori e Gabriel Martins.

 

Críticas atuais

Durante o desenvolvimento da obra cinematográfica, além dos que foram citados anteriormente, podemos ver  valores que sempre foram passados pela franquia, como união e trabalho em equipe. Contudo, conseguimos perceber um novo elemento nesta nova versão.

Ela traz, diversas vezes, reflexões da sociedade nos dias de hoje. Temas como a internet, a busca pelo “viral” e por seguidores, o uso constante de eletrônicos, autoaceitação e até mesmo questões sobre o jornalismo atual se fazem presentes.

Analisando de maneira mais fria, a abordagem utilizada pode trazer estes assuntos como pontos de crítica soltos em forma de comentários durante a trama. Enquanto que, por outro lado, esta apresentação parece ser o caminho de mais fácil entendimento para o público alvo, o infantil.

Influências

Em uma das atitudes egoístas e impensadas do prefeito Humdinger, que guardam grande parte do entretenimento do filme, ele faz o uso inconsequente de uma máquina que suga as nuvens do céu e que acaba correndo o risco de sair do controle.

Este momento traz semelhanças com o filme “Tá Chovendo Hamburguer”, de 2009, dirigido por Phil Lord e Chris Miller, onde, acidentalmente, Flint Lockwood lança uma máquina capaz de transformar água em comida para o céu. Até o momento em que ela entra em colapso, deixando todos os moradores de sua cidade em risco.

 

Ficha técnica

Direção: Cal Brunker

Roteiro: Cal Brunker, Bob Barlen

Duração: 85 minutos

Elenco: Ian Armitage, Marsai Martin, Ron Pardo, Yara Shahidi, Kim Kardashian West, Randall Park, Dax Shepard, Tyler Perry e Jimmy Kimmel

Distribuição: Paramount Pictures

Título original: Paw Patrol: The Movie

 

Por Maria Paula Meira*

  • A repórter assistiu à pré-estreia do filme a convite do Espaço/Z

Supervisão de Luiz Claudio Ferreira

Post Author: Agencia de Noticias Uniceub

Professores e estudantes do curso de jornalismo construindo um projeto de extensão para promover práticas e repensar rotinas de produção