Projeto de Formação de Alfabetizadores ganha Selo Social do Distrito Federal

Foto: Divulgação

Nesta Terça-Feira (04), o Centro Universitário de Brasília (UniCEUB), foi sede da 4ª Cerimônia de premiação do Selo Social do Distrito Federal. O propósito da premiação é estimular organizações a participarem efetivamente do desenvolvimento social em alguma cidade ou Região. 

Um dos projetos premiados se chama  “Alfabetização e Letramento na Educação de Jovens e Adultos: uma visão transformadora de mundo, articulando teoria e prática”, e tem como objetivo formar pessoas capazes de transformar a sociedade em que vivem, ensinando jovens e adultos a ler e escrever. “O objetivo desse projeto é formar alunos do UniCEUB e da comunidade externa para que sejam alfabetizadores nas comunidades onde residem”, explica uma das coordenadoras do projeto, Norma Albuquerque. 

O grupo alfabetizador, coordenado pelas professoras Ana Regina, Norma Albuquerque e Maria das Dores,  é orientado para compreender a alfabetização em todos os seus aspectos, englobando a metodologia, processos e avaliações. Atualmente, o número de pessoas alfabetizadas por profissionais que passaram pelo projeto é significativo. “Nós estamos formando alfabetizadores desde 2003, não consigo ser exata quanto ao número de pessoas que já foram alfabetizadas, mas posso dar certeza de que passa de 4 mil” conta a professora. 

Quanto ao feedback dos alunos, Norma afirma que o projeto recebe muito retorno positivo e depoimentos importantes, e que mesmo após o término do processo de alfabetização, eles permanecem dispostos a dar suporte para todos os alunos que ainda precisarem.  “A ideia do projeto é dar acompanhamento para esses alunos. Quando eles voltam para tirar dúvidas, nós os ajudamos.” afirma. 

Oferecer essa capacitação no intuito de formar  pessoas que sejam capazes de abrir suas turmas de alfabetização nas suas regiões, está ligado à importância de disseminar valores essenciais e construir uma sociedade mais democrática, influenciando a inclusão social, onde as pessoas que não tiveram acesso à educação básica, possa também usufruir do prazer de ler e escrever. 

Por Mayra Christie 

Supervisão de Luiz Cláudio Ferreira

Post Author: Agencia de Noticias Uniceub

Professores e estudantes do curso de jornalismo construindo um projeto de extensão para promover práticas e repensar rotinas de produção